Ansiedade · Depressão

Confusão

Eu não sei

O que quero saber?

Não sei.

O que me perturba o sono?

Não faço ideia.

O que escrever?

Quem sabe?

Não sei. Não tenho certezas. Tenho ansiedades, dúvidas, questionamentos, confusões. Queria desabafar, falar sobre, mas nem sei como escrever, sobre o que escrever. Um emaranhado de cordões, todos misturados, dados nó. Toda a certeza de momentos atrás esvanecida numa chuva de dúvidas e inquietação ansiosa que me tira o sono e me deixa insegura sobre a vida, sobre minhas escolhas.

Tenho amor. Tenho apoio. Tenho vitalidade. Tenho tempo.

Tenho medo. Apego ao medo.

Ia até escrever um post sobre o apego ao medo, pauta da terapia de terça-feira mas minha cabeça tá tão embaralhada que não sei nem como transformar o que sinto em palavras.

As coisas dão certo. Eu tenho medo. Eu fico ansiosa. Eu entro em pânico.

Mas eu quero. Eu quero fazer dar certo. Eu quero correr atrás.

Eu quero dar certo na vida.

Como prossigo?

Um passo de cada vez. Receita antiga. Passo antigo. Clássico. Remédio certo para curar inquietações.

Mas como sair da cama e dar o primeiro passo?

Acho que já estou dando.

Ir ao dentista 14h. Ir à academia 20h. São dois passos. Acordar amanhã e arrumar o quarto. Três passos. Anotar o que preciso fazer sobre minha página, meu projeto, meus estudos. Seis passos. “E no sétimo dia, Deus descansou.” Descansar, sétimo passo. Recomeçar. Primeiro passo, de novo.

Acho que acabei de ter uma ideia. Um dia em sete passos. Pode dar certo.

Quero um copo de sal de frutas.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s